De todas as manias que eu tenho, uma delas é roer as unhas. Esse hábito vem desde a minha infância, parece incontrolável, pode ser um filme de suspense, ou uma prova importante, tudo me deixa ansiosa e quando percebo meu dedo já está na boca e fazendo dos meus dentes uma serrilha. Escuto muitas broncas de minha mãe, irmã, marido para que eu pare de roer as unhas. O resultado é a aparência horrível e isso é o que tem mais me incomodado, e estou com bastante força de vontade não cair na tentação de roer. Aqui estão algumas fotos das minhas unhas postiças que minha cunhada fez com carinho...
O que tem me ajudado bastante pode parecer até coisa de vovó, mas que tem servido como uma terapia foi o CROCHET...tento manter minhas mãos ocupadas enquanto assisto TV, ou quando tenho tempo ocioso, esperando por algo e sempre levo comigo na minha bolsa meu estojo de agulhas e algum fio para qualquer momento.
Além disso, agora mantenho as unhas lixadas com algum esmalte ou base e estou passando também uma cera nutritiva de unhas e cutículas que é perfumada e ajuda a recuperar as lesões.

Deixe um comentário